Portuguese PT English EN Spanish ES
MT: Judiciário concentra local de informações sobre trabalho durante a pandemia
MT: Judiciário concentra local de informações sobre trabalho durante a pandemia
Arte: TJMT

A fim de facilitar o acesso às informações relacionadas ao trabalho do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) durante a pandemia causada pelo novo coronavírus, principalmente as normativas editadas desde o início do período de teletrabalho obrigatório, a instituição lançou na sexta-feira (31/7) um hotsite exclusivo, que pode ser acessada em https://coronavirus.tjmt.jus.br/. A nova página substituiu as informações anteriormente disponibilizadas em um banner no site do Tribunal de Justiça, agora acessíveis de maneira mais simples e objetiva.

De acordo com o presidente do TJMT, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha, o hotsite representa mais um esforço da atual administração, nesse momento crítico que vivemos atualmente, de tornar o Judiciário ainda mais transparente e acessível. “Desde março temos adotado medidas de proteção à sociedade para impedir a propagação do novo coronavírus. Na maioria das comarcas, onde existe o risco alto ou muito alto de contaminação para a Covid-19, magistrados e servidores continuam em regime de teletrabalho e os normativos que tratam dessa medida estão todos disponíveis para consulta na nova página.”

O hotsite reúne todos os normativos do TJ e das 79 comarcas, como as resoluções, portarias e ofícios-circulares emitidos desde o início da pandemia. Nesse novo espaço também é possível conhecer as ações adotadas pelo Judiciário para garantir a prestação jurisdicional no estado, assim como os canais de acesso às unidades julgadoras e administrativas.

A página traz ainda as normas referentes às sessões de julgamento por videoconferência e por plenário virtual, o caminho para acessar os magistrados plantonistas (1ª e 2ª Instâncias), as contratações emergenciais feitas durante a pandemia, orientações sobre a Covid-19 e sobre o regime de teletrabalho, dados sobre a produtividade semanal do Judiciário e notícias (texto e vídeo) sobre as ações do Judiciário durante a pandemia.

Em 20 de março, o TJMT fechou as portas dos prédios da instituição e instituiu o regime de teletrabalho obrigatório aos magistrados e servidores como medida para diminuir a contaminação pela Covid-19. Também cancelou as sessões presenciais, dando início aos julgamentos virtuais, transmitidos ao vivo pela página da instituição no YouTube.

Acesse o hotsite produzido pela Coordenadoria de Comunicação e pela Coordenadoria de Tecnologia da Informação do TJMT

Fonte: TJMT

A
Fechar Menu