Portuguese PT English EN Spanish ES

Juízes aprovam primeira experiência com Sistema Nacional de Videoconferência

Os juízes Vitor Luis de Oliveira Guibo e Albino Coimbra Neto avaliaram positivamente o Sistema Nacional de Videoconferência após a primeira experiência com a ferramenta lançada em outubro pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e que permite a realização de sessões e audiências pela  internet. Na semana passada, os dois

Tribunal de Justiça do Amazonas

Videoconferências serão usadas em audiências de custódia no Amazonas

Detalhes sobre audiências de custódia por videoconferência foram acertados em reunião entre a presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), desembargadora Graça Figueiredo, o secretário de Administração Penitenciária, Pedro Florêncio, e o delegado-geral da Polícia Civil do estado Raimundo Nonato de Sousa Acioly. O encontro, promovido nesta segunda-feira (16/11),

CNJ lança sistema de videoconferência para agilizar trabalho da Justiça

Desenvolvido pela atual gestão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o Sistema Nacional de Videoconferência começa sua primeira fase a partir desta terça-feira (27/10) para dar mais rapidez e segurança aos atos do Judiciário que demandam comunicação de som e imagem à distância. A ferramenta foi lançada durante a 219ª

Foto: Gil Ferreira/Agência CNJ

CNJ realiza sessão plenária e lança sistema de videoconferência

O Plenário do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) reúne-se, nesta terça-feira (27/10), a partir das 14 horas, para sua 219ª Sessão Ordinária, que será marcada pelo lançamento do Sistema Nacional de Videoconferência. A ferramenta dará mais rapidez e segurança à atuação do Judiciário e poderá ser usada por todos os

CNJ assume protagonismo do processo eletrônico com novo CPC, afirma juiz

O novo Código de Processo Civil (CPC), aprovado em março pelo Congresso Nacional, conferiu ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) papel de destaque na regulamentação e gestão do processo eletrônico para o avanço da política nacional de informatização judiciária. Essa foi a principal conclusão da palestra de abertura do II

Gil Ferreira/Agência CNJ

Novas regras restringem custos com viagens no CNJ

Com despesas elevadas em passagens e diárias ao longo do ano passado e do início deste ano, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) passará a ter regras mais rígidas para a autorização de viagens para seus membros e servidores. A nova orientação é priorizar a realização de audiências por videoconferência

Videoconferências resultam em economia para CNJ

O sistema de videoconferências utilizado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) tem permitido uma economia de recursos ao órgão, especialmente, em diárias e passagens, além de aumentar a eficiência do trabalho dos profissionais envolvidos nos seus diversos programas e ações. O sistema, adquirido no início do ano passado, foi o

Fechar Menu