Portuguese PT English EN Spanish ES
“Escola e Justiça” abre Semana da Conciliação no TJDFT
“Escola e Justiça” abre Semana da Conciliação no TJDFT
Foto: Daniel Coelho - NBastian/Divulgação TJDFT

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) abriu, na manhã desta terça-feira, 29/10, a 14ª edição da Semana Nacional de Conciliação, com a realização do seminário “Escola e Justiça na prevenção à violência”. Voltado a profissionais de educação, o evento foi apresentado pela 2ª Vice-Presidente do TJDFT, desembargadora Ana Maria Duarte Amarante Brito, e contou com palestra ministrada pela coordenadora administrativa do Núcleo Permanente de Mediação e Conciliação (Nupemec), Talitha Selvati.

No início do evento, a desembargadora Ana Maria Duarte fez uso da palavra para ressaltar a importância e a emergência da mudança de mentalidade pela igualdade de gênero e pela eliminação das discriminações aos idosos principalmente por meio da educação. Para a magistrada, a educação é necessária para “atacar na raiz o desrespeito à mulher”. Para ela, “é a educação que vai conscientizar a todos da necessidade de respeito aos idosos e o reconhecimento a uma vida profícua, laboriosa. Com isso começamos a mudar os valores dominantes da sociedade”, ressaltou.

A magistrada ainda apresentou os serviços prestados pela TJDFT como o sistema Justiça Multiportas, os Centros Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania, assim como os Núcleos Judiciais especiais de atenção à mulher vítima de violência e aos idosos. Citou os avanços no combate à violência, como a Lei Maria da Penha, criada para prevenir, punir e erradicar a violência contra as mulheres. Para ela, “é mais fácil mudar a lei que uma mentalidade milenar arraigada”, afirmou.

Por fim, ressaltou a importância da realização do seminário que, segundo ela, permite “caminhar mais um passo hoje no respeito e amor às mulheres e aos idosos por meio da educação”.

Em seguida, a professora Janaína Almeida, chefe da Assessoria Especial da Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal, fez uso da palavra e lembrou o desafio da sociedade para vencer a violência. “A escola é um microssistema que reproduz exatamente o que acontece na sociedade. Então, se a sociedade está violenta, é claro que, automaticamente, a escola vai ser um reflexo dessa violência”, afirmou a coordenadora da macropolítica Educação para a Paz da Secretaria de Educação.

A servidora do TJDFT e coordenadora administrativa do Núcleo Permanente de Mediação e Conciliação – Nupemec, Talitha Selvati, deu sequência ao seminário ao proferir a palestra “Conflito: problema ou oportunidade?”, na qual apresentou uma introdução à Teoria Geral do Conflito. A servidora tratou do acesso à Justiça, como algo diferente do acesso ao Judiciário pois, com técnicas de medicação judicial de conflitos, muitos problemas podem ser resolvidos antes mesmo de serem judicializados. “O trabalho está mudando a percepção das pessoas sobre o Judiciário”, afirmou.

Nesta tarde, o seminário terá continuidade com a palestra “Prevenção e enfrentamento da violência contra meninas e mulheres”, que será ministrada pela juíza Fabriziane Figueiredo, coordenadora do Núcleo Judiciário da Mulher – NJM.

Nesta quarta-feira, 30/10, o seminário contará com a palestra “Mediação comunitária: diálogos para a paz”, proferida pela juíza Glaucia Foley, coordenadora do Programa Justiça Comunitária, juntamente com Thaís Andreozzi e Daniel Cattapreta. A juíza Monize Marques, coordenadora dos CEJUSC/Taguatinga, CEJUSC- Águas Claras e Central Judicial do Idoso – CJI, e o Defensor Público Alberto Amaral, também coordenador da CJI, irão realizar a palestra de encerramento “Vulnerabilidades e tutela jurídica dos idosos”.

O seminário “Escola e Justiça na prevenção à violência” está sendo realizado na Escola da Defensoria Pública, localizada no Setor Comercial Norte, Quadra 01, Lote G, Ed. Rossi Esplanada Business, das 8h30 às 16h30.

Clique aqui e confira a programação completa.

A abertura oficialda 14ª Semana Nacional de Conciliação irá acontecer no dia 4/11, das 8h às 13h, no auditório Sepúlveda Pertence, localizado no térreo do Bloco A, do Fórum de Brasília. Na ocasião, será realizada a palestra “Gestão em harmonia”, pelo maestro Cláudio Cohen, e, ainda, a entrega do Selo de Qualidade para os destaques na área de conciliação. Clique aqui e faça sua inscrição. A Semana Nacional da Conciliação vai até o dia 8/11 e contará com webinar, seminário, palestras, ações em condomínios e mesa redonda com foco na conciliação e na mediação.

Fechar Menu