Portuguese PT English EN Spanish ES
. . . . . .
Unidades Judiciais de destaque do TJRS são premiadas

Na tarde desta sexta-feira (14/12), ocorreu a entrega do primeiro prêmio Melhor Unidade Jurisdicional do Judiciário do Rio Grande do Sul (RS). Foram agraciadas as 33 Varas e respectivos gabinetes que obtiveram os melhores desempenhos durante o ano, em cada categoria, além de duas que se destacaram pela evolução quanto a sua eficiência.

Na abertura da solenidade, o desembargador Voltaire de Lima Moraes, corregedor-geral da Justiça em exercício, parabenizou o talento, o esforço e a boa vontade dos magistrados e servidores demonstrando que, com dedicação, é possível obter bons resultados. Também destacou a relevância da ferramenta GMS-Jud, que foi utilizada para definir os ganhadores e que permite à Corregedoria acompanhar o trabalho desenvolvido nas Varas de todo o  Estado, da mesma forma que propicia a cada equipe a oportunidade de verificar e aprimorar o seu trabalho.

“Quando se reconhece aquele que bem trabalhou não se está fazendo nada mais que Justiça”, afirmou o presidente do Tribunal, desembargador Marcelo Bandeira Pereira. O magistrado lembrou ainda que a posição de destaque que o tribunal gaúcho tem no país todo se deve à iniciativas como esse prêmio e à qualidade dos serviços prestados por servidores e magistrados.

O Presidente do TJRS aproveitou a oportunidade também para destacar seu apreço pela atuação do Desembargador Voltaire de Lima Moraes no cargo de Corregedor-Geral, que com sua liderança e competência coordenou o órgão desde a suspensão da posse.

Vencedores – Falando em nome dos servidores integrantes das Unidades Jurisdicionais de destaque, a servidora Ines Behnen, da Comarca de Rodeio Bonito, afirmou que ver o trabalho ser reconhecido é uma satisfação. A servidora salientou que os resultados foram possíveis graças ao comprometimento e à sintonia entre gabinete e cartório.

Encerrando, o juiz Ricardo Pippi Schmidt, do 10º Juizado Especial Cível do Foro Regional do Partenon, lembrou da necessidade de se repensar rotinas e da integração entre Juiz e servidores para se melhorar a prestação jurisdicional conseguindo, assim, atender a grande demanda de forma satisfatória. Salientou que a união de forças potencializa o poder de promover mudanças, elogiando o prêmio por reconhecer as equipes como um todo e não apenas indivíduos.

Prêmio – Promovido pela Corregedoria-Geral da Justiça e pela Assessoria de Gestão Estratégica e Qualidade, a premiação busca incentivar o trabalho conjunto dos gabinetes e cartórios na busca de melhoria contínua dos serviços judiciários. Também tem a finalidade de reconhecer as equipes que já obtiveram resultados expressivos em gestão.

As Comarcas de tamanho e características semelhantes foram dividas em grupos (chamados clusters) e então definidas as melhores segundo os critérios de desempenho – composto pelos indicadores vazão, acervo, tempo médio processual e produtividade. Também foram escolhidas duas equipes que se destacaram na melhoria de vazão, ou seja, o acréscimo percentual ou nominal desse indicador em comparação a seu resultado no ano passado.

A definição dos selecionados foi baseada em informações do Sistema de Gerenciamento Matricial dos Serviços Judiciários (GMS-Jud), no período de 1º/11/2011 a 31/10/2012. A cerimônia foi acompanhada pelo desembargador Orlando Heemann Júnior, corregedor-geral da Justiça eleito; pelo Juiz-Corregedor Ruy Rosado de Aguiar Neto, secretário-executivo do Plano de Gestão pela Qualidade do Judiciário; pela Juíza Eliane Garcia Nogueira, pelo juiz-assessor da Presidência, Leandro Figueira Martins e pelo o juiz-diretor do Foro da Capital, Cláudio Luís Martnewski, além dos magistrados da Corregedoria.

Do TJRS

Confira os vencedores:

Vara do JEC Cível tamanho M: Porto Alegre – 10º Juizado Especial Cível Foro Regional Partenon
Vara do JEC Cível tamanho G: Porto Alegre – 5º Juizado Especial Cível do Foro Central
Vara do JECRIM: Porto Alegre – 3º Juizado Especial Criminal do Foro Central
Vara Especializada do JIJ: Santa Maria – Juizado Regional da Infância e da Juventude
Vara da Fazenda Pública: Porto Alegre – 11ª Vara da Fazenda Pública Foro Regional Partenon
Vara de Família tamanho M: Rio Grande – Vara de Família e Sucessões
Vara de Família tamanho G: Pelotas – 2ª Vara de Família e Sucessões
Vara Judicial tamanho P: Marcelino Ramos – Vara Judicial
Vara Judicial tamanho M: Mostardas – Vara Judicial
Vara Judicial tamanho M: Rodeio Bonito – Vara Judicial
Vara Judicial tamanho M: Três Coroas – Vara Judicial
Vara Judicial tamanho G: Candelária – Vara Judicial
Vara Judicial tamanho GG: Vera Cruz  – Vara Judicial
Vara Judicial tamanho GGG: Charqueadas – 2ª Vara Judicial
Vara Cível específica tamanho P: Bagé – 1ª Vara Cível
Vara Cível específica tamanho M: Porto Alegre – Vara Cível do Foro Regional Partenon
Vara Cível específica tamanho M: Canoas – 2ª Vara Cível
Vara Cível específica tamanho G: Caxias do Sul – 6ª Vara Cível
Vara Cível específica tamanho GG: Porto Alegre – 3ª Vara Cível do Foro Central
Vara Cível com Família tamanho P: Esteio – 3ª Vara Cível
Vara Cível com Família tamanho M: Osório – 2ª Vara Cível
Vara Cível com Família tamanho G: Sapiranga – 1ª Vara Cível
Vara Cível com Família tamanho GG: Santo Ângelo – 3ª Vara Cível
Vara Criminal simples tamanho P: Ijuí – 1ª Vara Criminal
Vara Criminal simples tamanho M: Santo Ângelo – 1ª Vara Criminal
Vara Criminal simples tamanho G: Porto Alegre – 1ª Vara Criminal do Foro Regional Partenon
Vara Criminal simples tamanho G: Canoas – 1ª Vara Criminal
Vara Criminal simples tamanho GG: Tramandaí – 1ª Vara Criminal
Vara Criminal simples tamanho GGG: Porto Alegre – 7ª Vara Criminal do Foro Central
Vara Criminal composta tamanho P: Lajeado – 2ª Vara Criminal
Vara Criminal composta tamanho M: Porto Alegre – Vara Criminal do Foro Regional 4º Distrito
Vara Criminal composta tamanho M: Santo Ângelo – 2ª Vara Criminal
Vara Criminal composta tamanho G: Lajeado – 1ª Vara Criminal
Vara Criminal composta tamanho GG: Santa Maria – 4ª Vara Criminal
Vara Criminal composta tamanho GGG: Montenegro – Vara Criminal

A
Fechar Menu