Portuguese PT English EN Spanish ES
TJDFT participa de encontro internacional de proteção da criança contra violência sexual

O TJDFT participa, na próxima terça-feira (14/06), do Encontro Brasil-Canadá: Estratégias para o Enfrentamento da Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes Facilitadas pelas Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs). O evento é organizado conjuntamente pela SDH/PR – Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República e pela CPP – Parceria para a Proteção da Criança e do Adolescente (Child Protection Partnership). O Tribunal será representado no encontro pelo servidor Sérgio Maciel, titular da SUAF – Subsecretaria de Atendimento a Famílias Judicialmente Assistidas, setor vinculado à SEPSI – Secretaria Psicossocial Judiciária, que vem atuando no PROAIP – Programa de Depoimento Especial de Crianças e Adolescentes, desde sua criação. O programa do TJDFT é uma proposta de intervenção interdisciplinar para a redução da revitimização de crianças e adolescentes vítimas ou testemunhas de violência sexual convocadas a depor em audiências judiciais.

No evento, serão discutidas parcerias entre Brasil e Canadá em políticas e programas para o enfrentamento da violência sexual facilitada pelas TICs, abordando, entre outras coisas, políticas de segurança pública, ações preventivas e educação em direitos humanos.

A CPP é uma colaboração multissetorial de organizações que atuam na proteção de crianças e adolescentes e de seus direitos contra o abuso e a exploração sexual facilitados pela tecnologia de informação e comunicação, ao redor do mundo. Trata-se de um projeto, iniciado em 2008, que conta com financiamento da CIDA – Agência Canadense de Desenvolvimento Internacional (Canadian Internacional Development Agency) e liderado por um grupo global de referência composto pelo NCECC-RCMP – Centro de Coordenação Nacional contra a Exploração de Crianças e Adolescentes da Real Polícia Montada Canadense (National Child Exploitation Coordination Centre), Unicef, Microsoft, Plan Internacional e IICRD – Instituto Internacional para Direitos e Desenvolvimento da Criança e do Adolescente.

Fonte: Assessoria de Comunicação do TJDFT

A
Fechar Menu