Portuguese PT English EN Spanish ES
. . . . . .
Qualificação de cartórios chega às Varas de Infância e Juventude
  • CNJ
Qualificação de cartórios chega às Varas de Infância e Juventude

A qualificação do serviço dos cartórios brasileiros chega às Varas de Infância e Juventude (VIJs). A partir desta segunda-feira (20/8), o Projeto Eficiência, iniciativa do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que melhora a gestão e a organização das varas de execução penal, será realizado na VIJ de São José do Ribamar, Região Metropolitana de São Luís/MA.

 

Equipe de servidores do Poder Judiciário chefiada pela Assessora do Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário e do Sistema de Medidas Socioeducativas (DMF/CNJ), Silvia Fraga, passará a semana no Maranhão reorganizando rotinas produtivas e a divisão de tarefas. Também serão informados procedimentos que facilitam, agilizam e corrigem o trâmite dos processos de adolescentes em conflito com a lei.

A capacitação dos servidores da unidade foi solicitada pela magistrada titular da Vara de São José do Ribamar, uma vez que a carga processual da vara é de 3 milhões de processos, conforme informações do Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão (TJMA).

Eficiência – O projeto começou em junho de 2010 nas 1ª e 2ª Varas de Execução Penal (VEPs) de Curitiba/PR. Desde então, o CNJ leva organização racional e método ao trabalho dos cartórios, prejudicados por excesso de trabalho e poucos servidores para realizá-lo.

Manuel Carlos Montenegro
Agência CNJ de Notícias

A
Fechar Menu