Reunião em tribunal gaúcho debate diretrizes da Justiça Restaurativa no estado

Integrantes da Comissão Executiva do Protocolo de Cooperação para uma Política de Estado de Justiça Restaurativa e de Construção da Paz no Rio Grande do Sul estiveram reunidos na manhã desta quinta-feira (4/4), no Espaço Multi-Comunicação e Eventos do Tribunal de Justiça. O encontro tratou da troca de experiências acerca

Justiça do Amazonas firma acordo para levar justiça restaurativa a escolas estaduais

O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) e a Secretaria de Estado da Educação e Desporto Escolar (Seduc) assinaram nesta terça-feira (02/04) o Acordo de Cooperação Técnica n.º 21/2024 visando à sensibilização e capacitação de profissionais da rede estadual de ensino em Justiça Restaurativa e apoio à disseminação da cultura

Tribunal de Roraima implanta círculos de construção de paz no abrigo feminino

A Unidade de Justiça Restaurativa (UNIJUR) do Tribunal de Justiça de Roraima, coordenada pelo juiz Marcelo Lima Oliveira, está implementando no Abrigo Institucional Pastor Josué da Rocha Araújo (Abrigo Feminino) os Círculos de Construção de Paz (CCPAZ) como uma ferramenta fundamental para prevenir e resolver conflitos, promover a cultura de

Projeto da Justiça Restaurativa sensibiliza profissionais da educação em Camboriú (SC)

Mais de 130 profissionais da educação, como diretores, supervisores e orientadores escolares da rede municipal, participaram de uma sensibilização para entender a metodologia do círculo de construção de paz da Justiça Restaurativa, norteadora do projeto Escola Restaurativa – que objetiva promover reflexões para melhorar os relacionamentos interpessoais e transformar conflitos

Práticas restaurativas na gestão da Justiça Federal são destaque em 2023

Os projetos Círculos de Conversa e o Conversas Necessárias da Justiça Federal da 4ª Região iniciaram no período da pandemia de Covid-19 e se consolidaram no ano de 2023 como atividade regional, sob a coordenação do Núcleo de Justiça Restaurativa da 4ª Região (NUJURE), em parceria com os Centros de

Conciliação: Judiciário alagoano firma mais de 30 mil acordos em 2023

Neste ano, mais de 30 mil acordos foram firmados pela Justiça de Alagoas. Através dos 32 Centros Judiciários de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc), o Judiciário vem propagando a cultura da mediação e da conciliação para solucionar conflitos de forma mais célere. Em Alagoas, a conciliação é coordenada pelo Núcleo