.
Início do cabeçalho
.

Início do conteúdo

Início do conteúdo
Seis julgamentos foram marcados em três comarcas após o início da força-tarefa, no dia 1º (Itawi Albuquerque/TJAL)
Seis julgamentos foram marcados em três comarcas após o início da força-tarefa, no dia 1º (Itawi Albuquerque/TJAL)

O Poder Judiciário de Alagoas incluiu mais seis processos na pauta de julgamentos do Mês Nacional do Júri, iniciado na última quinta-feira (1º). A lista conta agora com 150 processos envolvendo crimes contra a vida.

Foram adicionados quatro júris em Água Branca, um em Taquarana e um em Delmiro Gouveia. O caso de Taquarana terá como réu Amarílio Salustiano, acusado de tentar matar Antônio Aparecido dos Santos, em novembro de 2015, com golpes de foice. O julgamento será realizado no dia 26 de novembro, às 9h, no Fórum da Comarca.

O Mês Nacional do Júri está sendo realizado em parceria com Ministério Público, Defensoria Pública e órgãos de segurança do Estado.

Fonte: TJAL


Tópicos: Mutirão do Júri,Mês do Juri