.
Início do cabeçalho
.

Início do conteúdo

Início do conteúdo
Quarta, 01 de Outubro de 2008

O Cadastro Nacional de Adoção (CNA) é o programa do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que mais atrai o interesse dos internautas que navegam no endereço eletrônico http://www.cnj.jus.br/. A conclusão foi uma conseqüência da análise das estatísticas feitas pelo Departamento de Tecnologia da Informação (DTI) do Conselho, que mostraram 1.248 acessos ao CNA de julho deste ano até setembro. A preferência pelo  Cadastro  só perde para o Diário da Justiça Eletrônico do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), disponível na página do CNJ, com o total de 1.362 acessos. Em terceiro lugar, com 784 acessos, ficou o Renajud,  o sistema on line de penhora judicial de veículos.

Em julho, o DTI  optou por inovar o sistema de análise e estatísticas do endereço eletrônico do CNJ. Daquele mês até agora (setembro), a página do Conselho recebeu 53.180 visitas. Este número cresceu gradativamente nos últimos três meses de estatísticas. Antes da modernização,  havia pequeno número de informações, uso restrito aos administradores do sistema, que não era atualizado com freqüência.

Pico de acessos - Neste mês, o dia 10 foi o mais procurado pelos usuários do endereço eletrônico, data seguinte à 69 ª Sessão Plenária do Conselho,  devido ao acompanhamento da pauta de julgamentos.Nesse dia, foram registrados 7.758 acessos.  O mesmo comportamento foi observado nos meses anteriores, com o pico de acessos do mês nos dias de plenária, na véspera ou no dia seguinte. No dia 26 de agosto, por exemplo, data da 68ª  Sessão, foram identificados 8.890 acessos.

O horário com movimento mais intenso na página eletrônica está entre 14h e 17 horas. Novamente, nos dias de sessão plenária há elevação do número  de ingressos, principalmente a partir das 14 horas, quando são iniciadas as reuniões dos conselheiros do CNJ, transmitidas ao vivo.

LA/ SR

Agência CNJ de Notícias